Plano de estudos

Código

1929

Área científica predominante

Ciência Política

Direito Público

Relações Internacionais

Regime 

Semestral

ECTS

6

Tipo de ensino

Presencial

Língua de instrução

Português

 

 

Contatos

 

Coordenador 

 

         Maria Assunção André Coelho Dias Silva Vale Pereiramaria pereira circle

 

        Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

        253601861

 

Objetivos de ensino

As Nações Unidas e as Operações de Manutenção da Paz. Mudanças na
natureza dos conflitos após a guerra-fria. Agravamento de conflitos identitários.
 
Sentido e importância da definição programática pelos Estados de políticas
externas de direitos humanos.
 
Mediação, resolução e gestão de conflitos profundamente enraizados.
Reconstrução pós-conflito e construção da Paz.
 
Complementaridade relativamente à justiça penal e riscos inerentes à
utilização dos mecanismos de justiça restaurativa: a experiência das comissões
de verdade e reconciliação.

Resultados de aprendizagem

Compreender o papel da política externa e de cooperação na prevenção de
conflitos armados internacionais e não internacionais.
 
Identificar os mecanismos de mediação e resolução de conflitos.
 
Compreender os processos de reconstrução pós-conflito e peacebuilding.
 
Avaliar a viabilidade das iniciativas de justiça restaurativa.
 

Programa sucinto

1. A natureza dos conflitos violentos, causas enovas abordagens

2. Prevenção de conflitos violentos

3. Mediação, gestão e transformação de conflitos

4. Reconstrução pós-conflito e construção da paz

5. Missões de paz

6. O modelo onusiano de prevenção, gestão,resolução e reconstrução

pós-conflito: repensar a paz liberal

Bibliografia essencial

Harris, Peter e Reilly, Ben (ed.) - Democracy and deep rooted conflict?,
IDEA, Stockolm, 1998
 
Pinto, Maria do Céu ? As Nações Unidas e a Manuenão da Paz, Almedina,
Coimbra, 2007
 

Métodos de ensino

Regime de seminário, orientação, preparação e apresentação de trabalhos,
debates com os alunos.
 

Métodos de avaliação

Participação no Seminário (30%)
Apresentação de um trabalho no Seminário (30%)
Apresentação de 15 minutos, seguida de discussão Dias de apresentação:
25 de Junho e 8 de Julho Ensaio escrito (40%)
Trabalho de grupo (temas definidos abaixo), limite máximo de 7500 palavras.
 Data de entrega: 15 de Julho
Temas
Os ensaios devem incluir reflexão conceptual, análise crítica e recorrer a
estudos de caso ou exemplos ilustrativos.
1. Porque são as causas dos conflitos contestadas nas teorias de Relações
Internacionais
2. A gestão de conflitos semeia as sementes de conflitos futuros. Discuta.
3. As abordagens de resolução de conflitos falham no seu envolvimento
nas dimensões culturais dos conflitos, mas representam ainda assim um
grande passo. Discuta.
4. Porque é o peacekeeping tão dependente de consenso
5. A mediação depende dos recursos materiais das partes terceiras. Discuta.
6. Até que ponto podem as abordagens de construção da paz a nível local
criar uma paz auto-sustentável
7. O que é a paz liberal e porque é esta significativa? Em que medida
podem as críticas às operações de construção da paz ser entendidas como
empreendimentos neo-coloniais.
X
Este site utiliza cookies. Aceita o uso de cookies externos ao nosso site? Sim Não Saiba mais